Deputado Abílio Santana é “boicotado” em evento com Damares Alves, na Bahia

Compartilhe:

O Conselho Estadual de Assuntos Políticos (CEAP), está promovendo o “1º Simpósio para agentes políticos e públicos do Estado da Bahia”.

O evento contará com a presença de alguns nomes importantes do cenário político nacional, inclusive, com uma palestra da Ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves.

O encontro é amplamente apoiado pela Frente Parlamentar Evangélica, que tem como vice-presidente o pastor e deputado federal Abílio Santana (PL-BA), que é um dos grandes incentivadores desse tipo de debate no Estado.

No entanto, uma polêmica começou a surgir nas redes sociais, depois que  o deputado, foi convidado a não ir ao evento. Segundo informações obtidas com exclusividade pelo O Fuxico Gospel, a comissão organizadora do Simpósio pediu que Abílio Santana não comparecesse.

O caso acabou repercutindo nas redes sociais e principalmente em grupos de Whatsapp. A determinação, entretanto, acabou mudando e o deputado foi contactado novamente. Dessa vez ele foi informando que poderia ir, mas que não seria lhe dado o direito de fazer uso da palavra.

Por se tratar de um deputado federal e sobre tudo, vice-presidente da frente parlamentar evangélica,  seria natural que o parlamentar fosse devidamente apresentado e ocasionalmente convidado a falar algumas palavras.

A determinação teria partido da cúpula da Assembleia de Deus “Missão” no estado. A CGADB parece nutrir um desprezo desmedido por membros e líderes religiosos ligados a CONAMAD (Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil).

O fato é que o pastor Elizar Ceccon, presidente do Conselho Político da CGADB, será um dos palestrantes. Segundo informações, Ceccon foi um dos que foram contrários a participação de Abílio no evento.

Ligado a Assembleia de Deus Madureira, o pastor Abílio Santana foi eleito em 2018 com 50.345 votos.

Até o fechamento dessa matéria o parlamentar não se posicionou sobre a situação e não confirmou sua presença no simpósio.

A assessoria do pastor disse que não vai comentar o caso.

Comente

© 2016 - Desenvolvido por Webmundo Soluções Interativas - Todos Direitos Reservados.